Doutoramento em Astronomia

Universidade do Porto

O objectivo principal do 3º Ciclo de Estudos em Astronomia épreparar os futuros astrónomos/investigadores, a um nível internacionalmentecompetitivo. As subáreas da Astronomia que estão acessíveis através desteCiclo incluem: AstrofísicaCosmologiaCiênciasPlanetárias,Instrumentação e Sistemas para as Ciências do Espaço,etc.

Procura-se atrair alunos nacionais ou estrangeiros, licenciados ou com um 2ºCiclo, em Astronomia, Física, Matemática e áreas afins. Além disso, e tendo emconta a crescente componente tecnológica dos novos projetos europeus deAstronomia, atrair também alunos com formação diferenciada, nomeadamente emáreas tecnológicas de engenharias e sistemas, informática e outras, dadas asoportunidades de integração de conhecimento proporcionadas por esses grandesprojetos. 

Condições de Acesso

Podem candidatar-se os detentores de formação relevante emAstronomia, nomeadamente:

  • Os titulares de grau de mestre ou equivalente legal em astronomia, física, química, matemática, ou numa área de engenharia ou tecnologia, sistemas, informática ou outras, relevantes para a astronomia e instrumentação astronómica, e/ou processamento, análise e gestão de dados e imagens.
  • Os titulares de grau de licenciatura em astronomia, ou equivalente, detentores de um currículo escolar ou científico especialmente relevante que seja reconhecido pela comissão científica como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos.
  • Os detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido pela comissão científica como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos.

Os candidatos devem ter um bom domínio, falado e escrito, dalíngua inglesa. 

Critérios de Seleção e Seriação

  • Avaliação curricular do candidato (adequação e média final de 1º ciclo e/ou 2º ciclo de estudos em Astronomia) - 60%
  • Avaliação científica de eventual atividade de investigação desenvolvida anteriormente (relatórios, publicações, participação em eventos científicos, etc) - 30%;
  • Outros elementos curriculares relevantes - 10%